O PRÉMIO CINCO ESTRELAS PARA OS CONSUMIDORES: A MARCA Nº1


ESTUDO DE AVALIAÇÃO DA MARCA "PRÉMIO CINCO ESTRELAS" Nos seus 8 anos de existência, o Prémio Cinco Estrelas tem sido marcado pela constante evolução de reconhecimento por parte dos consumidores, sendo para eles atualmente considerado a marca Nº 1 com uma taxa de notoriedade total de 98,4%, o que representa um crescimento de 2,4 pontos percentuais face ao ano anterior. É também a marca mais conhecida de forma espontânea, com 34,3% dos inquiridos a reconhecê-la em primeiro lugar dentro dos sistemas de avaliação de marcas e sem qualquer sugestão.

Resultado dos seus oito anos de existência, o Prémio Cinco Estrelas é hoje considerado a marca número 1 para os consumidores no que toca a sistemas de avaliação de produtos, serviços e marcas. Esta forte credibilidade e esta reputação tão positiva são um claro resultado da qualidade da metodologia Cinco Estrelas aplicada à avaliação das marcas. Todo este trabalho de excelência resulta assim na confiança depositada pelos consumidores no Prémio Cinco Estrelas, traduzindo-se depois numa vantagem evidente, importante e diferenciadora para as marcas.

Na base destas considerações, e para as comprovar, está o estudo de avaliação da marca “Prémio Cinco Estrelas” feito junto de uma amostra representativa da população portuguesa e levado a cabo pela Multidados – The Research Agency durante o mês de novembro de 2021. A amostra foi questionada sobre os diferentes sistemas de avaliação de produtos, serviços e marcas que existem atualmente no mercado português.
O método utilizado neste estudo resultou da combinação de diferentes aspetos avaliados junto dos consumidores, tais como: notoriedade, valores associados, confiança, credibilidade e inovação.
Em seguida analisaremos cada um destes pontos e faremos um comparativo com os resultados obtidos nos anos anteriores.

Começamos pela notoriedade espontânea; foi pedido aos inquiridos que indicassem o sistema de avaliação de produtos e serviços que se lembrassem em primeiro lugar, tendo o Prémio Cinco Estrelas sido a marca mais conhecida de forma espontânea com 34,3% dos respondentes a reconhecê-la primeiramente.
Sobre a notoriedade total, que significa a soma da percentagem de inquiridos que “conhece só de nome”, “sabe alguma coisa sobre a marca” ou “conhece bem a marca”, o Prémio Cinco Estrelas teve uma classificação de 98,4%.
Assim, em resumo e fechando o capítulo da notoriedade, podemos afirmar que o Prémio Cinco Estrelas é líder em Portugal no que se refere à notoriedade da marca e, ao fazermos um comparativo com os anos anteriores, verifica-se um crescimento sustentado da notoriedade ao longo dos últimos 4 anos.

No que toca à associação da marca a setores de atividade, resulta do estudo que os setores mais associados ao Prémio Cinco Estrelas são o setor da Alimentação (32,0%), das Lojas e Superfícies Comerciais (14,6%), da Restauração (10,7%) e da Hotelaria (9,7%).
No que diz respeito à metodologia, 35% do total de inquiridos considerou que o método de avaliação utilizado pelo Prémio Cinco Estrelas é um método com base na experimentação por consumidores. Foram também destacados os procedimentos de avaliação com base numa “combinação de todos os métodos referidos” (32%) e por “um grupo de especialistas” (23%).

Os principais valores associados ao Prémio Cinco Estrelas foram a qualidade, a credibilidade e a confiança, sendo que o top 3 das características consideradas pelos inquiridos como mais importantes num sistema de avaliação de produtos, serviços e marcas foram a qualidade (17,8%), a transparência (17,6%) e a sustentabilidade (13,4%). Ao fazermos um comparativo numa avaliação global relativa aos anos anteriores numa escala de 0 a 10, o Prémio Cinco Estrelas conquista uma pontuação média de 7,99 pontos, ou seja, um crescimento de 0,73 pontos comparativamente a 2020.

Relativamente à credibilidade, o Prémio Cinco Estrelas conquista uma pontuação média de 8,31 – também numa escala de 1 a 10, o que significa um crescimento de 0,53 pontos comparativamente a 2020. Por outro lado, a razão atribuída ao grau de confiança dos consumidores no Prémio Cinco Estrelas em 2021, é o facto de, para 34% dos inquiridos, este se basear na experiência dos consumidores, seguindo-se o facto de ser um sistema que assenta em critérios de avaliação objetivos (31%).

Tendo mais uma vez em consideração uma escala de 1 a 10 e sobre a importância que representa no processo de decisão de compra, o Prémio Cinco Estrelas conquista uma pontuação média de 7,95 pontos, ou seja, 0,02 pontos acima comparativamente com o ano anterior. No que toca à inovação, o Prémio Cinco Estrelas conquistou uma pontuação média de 7,59 sobre a forma diferenciadora como comunica, o que demonstra um crescimento de 0,05 pontos comparativamente a 2020.

Foi também questionado aos inquiridos quais os meios de comunicação através dos quais viram a divulgação das marcas vencedoras do Prémio Cinco Estrelas, tendo a televisão sido referido como o meio que dá maior exposição à marca (21,3%), mantendo-se a tendência dos anos anteriores; em segundo lugar ficou a Internet (19,5%) e em terceiro a Imprensa (13,6%).
É curioso perceber também que a Delta Cafés (10,4%), o Activo Bank (9,8%) e a Viva Melhor (9,8%) são as marcas que os portugueses mais associam como vencedoras do Prémio Cinco Estrelas.
Por fim e no que toca às Personalidades, aquelas que os portugueses mais associam ao Prémio Cinco Estrelas são Ruy de Carvalho (10,5%), José Rodrigues dos Santos (9,6%) e o Comendador Rui Nabeiro (9,5%).

Conheça aqui o Estudo de Avaliação da Marca feito ao Prémio Cinco Estrelas no final do ano de 2021.